CHEERS

EM 2018 VAMOS BRINDAR EM GRANDE ESTILO

Fizemos uma seleção de champagnes que fez parte da carta luxuosa do Grupo LVMH, uma lista de motivos para brindar e comemorar com a bebida que está no topo das preferências.

O grupo LVMH – Moët Hennessy Louis Vuitton, o maior conglomerado de produtos de luxo do mundo, do qual a Chandon faz parte, nasceu em 1987, resultado da união dos grupos franceses Louis Vuitton (fundado em 1854) e Moët Hennessy (procedente do champagne Moët & Chandon, fundado em 1743, e do cognac Hennessy, de 1765). Com a união, passaram a pertencer a um só grupo os champagnes Dom Pérignon, Krug, Moët & Chandon, Veuve Clicquot, dentre outros nomes fortes do segmento de bebidas de luxo.

O grupo francês também atua nas áreas de moda, perfumes e cosméticos, relógios e distribuição seletiva. Entre as suas principais marcas estão Louis Vuitton, Christian Dior, Givenchy, DKNY, Fendi, Kenzo, TAG Heuer, e a Chandon.


DOM PÉRIGNON

Fazer o “melhor vinho do mundo” era a visão do monge Dom Pierre Pérignon quando assumiu a responsabilidade pela Abadia Beneditina de Hautvillers na região de Champagne, França, em 1668. Dom Pérignon dedicou sua vida à busca da perfeição, sendo reconhecido como o criador das técnicas e da filosofia do Champagne, nunca abandonando sua ambição de criar um vinho único.

Três séculos mais tarde, o Chef da Cave Richard Geoffroy mantém essa visão de Dom Pérignon – um vinho safrado e criado somente em anos excepcionais através de um assemblage que busca um perfeito equilíbrio entre as uvas Chardonnnay e Pinot Noir, tendo acesso aos 17 Grands Crus da Champagne. Richard Geoffroy desenvolveu o Manifesto Dom Pérignon, uma reflexão profunda, única no mundo do champagne, e necessária para atingir um estilo atemporal.

 


MOËT & CHANDON

Moët & Chandon está intimamente ligada à lenda do champagne: uma história de sucesso que teve início em 1743, há mais de 250 anos, quando a Maison foi fundada por Claude Moët. Desde então, é a Maison de Champagne líder de vendas no mundo inteiro. A cada segundo, uma garrafa de Moët é aberta.

Isto significa mostrar o caminho, abrir portas e manter-se à frente. A busca constante pela inovação é o segredo da manutenção do sucesso.

Essa é a essência da Moët & Chandon: inovação na vitivinicultura e na criação de vinhos que expressem a fineza do terroir e as melhores qualidades da região de Champagne.

Para a Maison, o estilo é uma assinatura, uma exigência. Os champagnes da Moët & Chandon têm um estilo único: completos, dinâmicos e generosos, oferecendo uma ampla gama de sensações e surpreendendo com a evolução de seus aromas e sabores.

 


CHAMPAGNE KRUG

Fundada em 1843, a Krug é a única Maison na região de Champagne a produzir somente Cuvée de Prestige. A paixão pela qualidade e o apego às tradições foram sempre uma prioridade para a família Krug.

Paciência e amor à perfeição são dois componentes essenciais na elaboração da Cuvée Krug. Uma seleção rigorosa acontece desde a escolha das três variedades de uva (Pinot Noir, Pinot Meunier e Chardonnay) que entrarão nos complexos assemblages elaborados pela Maison Krug.

A Krug é a única a fazer a primeira fermentação em pequenos barris. Este é um curto porém decisivo período pois é o único método que permite à Maison respeitar a individualidade de cada lote enquanto dá ao vinho a liberdade para desenvolver o seu completo e individual caráter. Mais tarde, esta fermentação também aumenta o potencial de envelhecimento dos champagnes Krug e otimiza seu frescor e habilidade de desenvolver belas e elegantes bolhas.

Caso exemplar na região de Champagne, a Krug mantém o estoque em envelhecimento de seis a oito anos, no mínimo.

A recompensa desta paciência é uma maturidade e longevidade excepcionais. Saboroso, único, maravilhoso e inesquecível.


LA GRIFFE DU BEAU CHAMPAGNE

“Esse livro deve ser aberto em nome de Deus e da Virgem Maria…”

Foi com essas palavras, escritas no dia 1º de setembro de 1729 por Nicolas Ruinart, sobrinho do monge beneditino Dom Ruinart, que foi fundada a Maison Ruinart.

Dom Ruinart, uma das mentes mais brilhantes de seu tempo, foi um pioneiro que antecipou a importância da produção e do comércio de champagne, além de sua notoriedade e de seu sucesso comercial.

A tradição foi herdada por membros da família Ruinart – autenticidade, qualidade, refinamento e franqueza – fortaleceram sua cultura e sua arte, além de estabelecer uma boa reputação estética perante os champagnes. Oferecer o prazer absoluto, atingir o ideal, a quintessência do encantamento… Ruinart exalta o champagne e abre um mundo de refinamento e estética atemporais. A arte de Ruinart é sublimar a matéria para elaborar a mais bela de suas obras: um champagne de exceção. Chardonnay é a uva predominantemente usada nas adegas de Ruinart: é a essência de seu sabor. Ela ilumina as adegas de Ruinart e dá uma fluidez típica. As qualidades da uva Chardonnay deram início ao que hoje é chamado de “Goût Ruinart”, um gosto inimitável e reconhecido mundialmente.


MAISON VEUVE CLICQUOT

Fundada em 1772, a Maison Veuve Clicquot Ponsardin adquiriu, ao longo de sua história, um espírito audacioso e cultivou uma busca incansável pela inovação, sem deixar de lado a fidelidade à tradição do seu champagne. Veuve Clicquot tem um estilo eterno, é um champagne para ser apreciado em todos os momentos, um vinho verdadeiramente célebre e inesquecível.

O seu clássico Yellow Label continua, ainda hoje, um dos mais apreciados champagnes do mundo. Paixão e busca pela excelência são os grandes segredos do sucesso da marca que segue, até os dias atuais, o lema de Madame Clicquot:

“Uma só qualidade, a primeiríssima”.

Os vinhedos de de Veuve Clicquot – situados em Reims, França – estendem-se por 386 hectares e suas adegas subterrâneas abrigam cerca de 35 milhões de garrafas que adquirem, durante o seu envelhecimento, a maturidade e o caráter típicos do estilo Veuve Clicquot. A estrutura do vinho e o equilíbrio dos sabores são atributos de qualquer Clicquot, possuidores de estilo único e sedutor.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *